Vem cá, fica aqui


Gosto de olhar nos teus olhos e de sentir teu corpo bem perto do meu
gosto do teu jeito, desajeitado. 
gosto desse teu sorriso de lado e desse seu cabelo desarrumado.
Gosto de encostar a cabeça no teu ombro e de sentir você passar a mão em meus cabelos
Gosto de ouvir aquela música que você me mandou e de traçar planos
gosto do teu pijama velho e do seu perfume que fica em minha roupa quando você me abraça
gosto do seu desarrumado, do teu certo e errado 
Gosto de sentir seu cabelo molhado e de quando diz que se lembrou de mim 
Gosto do tua mão passando pelo meu corpo e de sentir tua respiração um pouco que ofegante
Gosto do jeito que você me olha quando acordo e dos teus beijos no pescoço 
Gosto do jeito que me abraça quando me vê como quem não quer deixar escapar
Fica mais um pouco aqui comigo, só mais uma noite, deixa eu sentir teu calor.
Deita aqui comigo e deixa eu adormecer em seus braços vendo um filme qualquer
deixa eu fazer versos pela manhã pra você e preparar um café quentinho, quente como nós.
Você sabe que meu corpo balança com a tua voz, que o coração acelera com seu toque.
Você sabe que não quero que você vá, sabe que esse lance de não me apegar é uma maneira de se defender
Você sabe que esse orgulho todo não vai nos levar a nada e você sabe onde quero chegar com você
Você sabe que me dá um nó na garganta só de imaginar você indo embora.
Mas se você quiser mesmo ir, leva com você nossas histórias, a lembrança dos nossos corpos entrelaçados numa noite fria, o beijo de saudade, os versos que te escrevi no guardanapo da lanchonete.
Mas se você quiser ficar... ah se você ficar!!! não preciso te prometer nada, você sabe que somos melhores juntos.


Share:

0 comentários